Blog

Construção e reforma  

Como fazer parede de drywall?

07 de Outubro de 2021

Hora de deixar a alvenaria para lá: o drywall é o sistema de construção para quem não abre mão da praticidade!

Como fazer parede de drywall?

As paredes de drywall já vêm conquistando uma legião de fãs no Brasil. Vistas como substitutas à alvenaria, elas oferecem uma série de benefícios na construção da sua casa, tais como a sua praticidade, custo baixo e otimização de tempo. Para você ver como é tudo verdade, nós vamos te dar um passo a passo bem prático de como levantar a sua parede com chapa de gesso e todos os benefícios que ela entrega.

O que é a parede de drywall?

Na tradução para o português, “drywall” significa parede seca. Com esse nome, já podemos ter uma ideia do que é esse modelo de construção: ao invés da alvenaria tradicional, a parede de drywall não precisa utilizar argamassa. Portanto, você constrói as paredes da sua casa de uma forma muito mais rápida, simples e limpa, sem precisar se preocupar com a sujeira que a mistura de massa, tijolo e cimento pode fazer. Todo esse sistema é feito com as placas de drywall (também chamadas de placas de gesso) e perfis metálicos para a sustentação. As fiações elétricas e sistemas hidráulicos devem passar por dentro da parede em drywall, normalmente oca ou preenchida com isolamentos térmico e acústico. Ah, e não se preocupe, ela permite a instalação de objetos, lustres, quadros, além de personalização com curvas e recortes. Só é preciso colocar tudo isso na hora dos cálculos de construção que vamos falar logo mais!

Confira o passo a passo de como fazer uma parede de drywall

Antes de começar a colocar a mão na massa, o que tem de estar pronto são todos os cálculos referentes à quantidade de material necessária para o seu projeto: quantidade de placas de gesso, perfis, parafusos e mais. Para te ajudar, você pode entrar em contato com  nossos consultores de vendas e passar as informações sobre o seu projeto, eles podem orientar quanto aos materiais necessários. Em todo caso, não deixe de procurar um profissional da área para te ajudar na execução.

1) Primeiro, comece marcando os pontos de instalação das guias no chão, paredes e teto com o auxílio de um nível, lápis e trena. Lembre sempre de levar em consideração o espaço onde ficará a porta.

2) Em seguida, cole fita isolante no chão seguindo as marcações. Recorte as guias no tamanho desejado com o auxílio de uma tesoura corta-perfil e apoie a guia em cima da fita isolante. Com uma furadeira, fure a guia até atravessar o fio e use buchasparafusos para deixar tudo bem fixado.

3) Fixe o montante na parede e o encaixe com a guia no chão. Aqui, você deve usar parafusos e buchas específicos para o tipo de parede da sua casa.

4) Para fixar a guia do teto, posicione a ponta da guia na parte superior do montante da parede e fixe no teto. Essa é a hora que você deve fazer a passagem dos cabos elétricos.

5) Quando tudo estiver em pé, coloque a porta e encaixe um montante de cada lado. Use uma parafusadeira para fixar.

6) Agora é a hora de fixar a protagonista: as chapas de gesso! Para isso, encoste-as entre uma guia e outra e comece a parafusar nos montantes. A dica é iniciar de cima para baixo.

7) Caso você precise cortar as suas chapas de gesso, coloque-a no chão e, com a ajuda de uma régua e um estilete, faça o corte. Não esqueça de lixar a borda cortada depois!

8) Para o acabamento, faça uma vedação no pé da chapa com massa de acabamento para drywall. Também é importante cobrir os parafusos e as emendas com massa.

As vantagens desse tipo de construção

Mas o que é que o drywall tem? Esse novo sistema de construção tem conquistado os clientes e arquitetos por seus benefícios: além da facilidade e limpeza, já citados anteriormente, é um material barato e leve, o que facilita o transporte. Também conta com componentes recicláveis, um tempo de obra mais rápido que o da alvenaria e uma manutenção sem quebra-quebra. Muitas pessoas têm optado pelo seu uso na construção de suas casas ou para fazer reformas pontuais, como subir mais um cômodo na casa de um jeito mais prático, fazer nichos e até bancadas. O sistema ainda permite que você coloque placas de madeira ou chapas de metal para deixá-lo mais forte. Não tem como dizer não, né?

Você conhece todos os tipos de drywall?

Na hora de ir às compras, você vai perceber que as chapas de gesso estão presente em três diferentes cores e é preciso ficar atento a elas na hora de escolher as que vão para a sua casa. Veja só as classificações:

Branca (ST)

São as mais comuns, indicadas para ambientes secos.

Verde (RU)

Para locais com ação da umidade. Tem proteção anti-fungo e capa impermeável.

Rosa (RF)

Para ambientes com incidência de calor, como churrasqueiras. São muito resistentes!